Blog

Exibir tudo

Saiba como fazer backup automático de arquivos

backup automático

Existem duas formas de se realizar backups: backup manual e backup automático. O backup manual é executado sempre com a ação de uma pessoa, que seleciona os arquivos e diretórios de origem e os copia para o local de destino. Mas então o que é backup automático e como fazê-lo? Saiba como neste post!

A importância do backup

Dentre os recursos utilizados para aumentar os níveis de segurança da informação em uma empresa o backup destaca-se como uma das soluções mais eficazes. Entretanto, um erro muito comum é confiar a execução das cópias de segurança a uma pessoa, o que torna o processo suscetível a falhas humanas.

Backup automático é o processo de automatização das tarefas de backup através da definição de agendamentos (dias e horários), diretórios e arquivos de origem e local de destino das cópias de segurança de dados.

A automatização das rotinas de backup aumenta o nível de integridade do backup, libera tempo produtivo da equipe de TI (ou pessoa responsável pelo backup) e dá mais autonomia no controle de dias, horários e quantidade de backups realizados.

Essa automação elimina a possibilidade de, ao precisar restaurar um arquivo, o mesmo não esteja atualizado.

Além de aumentar o nível de segurança dos dados, fazer backup automático de arquivos possibilita que você os salve em nuvem. Com o backup em nuvem, além de proteger os dados de riscos digitais como malwares, exclusões acidentais e falhas de hardware. Os dados também ficarão seguros em casos de incidentes envolvendo a estrutura física como incêndios, alagamentos, furtos e outros problemas.

Formas de realizar backup automático

São várias as formas de se automatizar rotinas de backup de arquivos, veremos a seguir algumas que são amplamente utilizadas nas empresas.

Utilizando software de backup

Com os softwares de backup automático você consegue automatizar de forma mais prática suas rotinas. A maioria dos softwares para backup possuem as funções de programação de rotinas onde é possível:

  • Definir arquivos e sistemas que serão protegidos;
  • Configurar os dias, horários e periodicidade dos backups;
  • Definição de backups completos, diferenciais ou incrementais;
  • Configuração do período de retenção de dados excluídos ou alterados;
  • Configuração do tipo de chave para criptografar os dados;

São vários os programas para realizar backup automático, dentre as soluções mais conhecidas estão aplicativos como Cobian Backup, Bacula, Ahsay dentre outros. Cada software possui suas características, alguns mais simples e com menos recursos, outros um pouco mais complexos, exigindo entendimento mais avançado em tecnologia para serem configurados corretamente.

É importante destacar que o software de backup cumpre com a etapa de automatização deste processo. Entretanto, para um backup eficaz, é preciso armazenar os dados em um local seguro, preferencialmente em um datacenter que tenha certificações de segurança e disponibilidade. Sendo assim, a forma mais indicada é a realização de backup automático em nuvem.

Backup automático no Windows

Nas versões mais atuais do Windows é possível realizar a configuração dos backups acessando a seguinte função:

  1. Painel de Controle;
  2. Sistema e Segurança;
  3. Backup e Restauração (Windows 7);

Através deste menu você poderá deixar que o Windows realize o backup padrão de todos os arquivos que estão nas pastas do sistema como Área de trabalho, Documentos, Bibliotecas e etc. Ou você também pode selecionar manualmente os diretórios desejados.

Desta forma o Windows poderá ser configurado para fazer backup automático diário de pastas, também será possível configurar para realizar as rotinas de forma semanal ou mensal. Você também poderá escolher entre enviar os arquivos para uma mídia offline (DVD, HD Externo ou pendrive) ou copiar para outro computador conectado via rede.

Backup automático no Linux

Por se tratar de um sistema operacional de código aberto, no Linux não há limites para as formas de se realizar backup automático de arquivos. Porém uma das formas mais utilizadas para realização de backups em Linux é através da aplicação Rsync.

backup em nuvem gratuitoPowered by Rock Convert

O Rsync tem como objetivo realizar a sincronização de arquivos através de um protocolo seguro com criptografia de ponta a ponta.

Juntando o Rsync com o Script Shell e o Cron é possível configurar o sistema para realizar backups de forma automática em dias e horários de acordo com a necessidade da empresa.

Rotinas de sistemas proprietários

Outra forma de realização de backups automáticos é através de rotinas programadas em sistemas proprietários como software ERP, sistemas de gestão, sistemas SaaS, gerenciadores de banco de dados, serviços de emails e uma série de outros softwares.

Nestes casos, são realizados backups apenas de arquivos essenciais para que a aplicação possa ser restaurada em caso de incidentes.

Assim como no caso dos softwares de backup (primeiro item desta lista) as rotinas dizem respeito somente a automatização da execução de backups e não em relação ao backup como um todo, que envolve série de outros aspectos.

Qual a melhor forma de fazer backup automático?

São diversos os pontos que precisam ser avaliados para afirmar que um backup é bom ou não. Além disso, é importante pensar em backup sempre como solução, ou seja, a junção de vários recursos que juntos dão a garantia de que o backup é seguro.

Uma solução confiável de backup deve possuir:

  • Software de backup confiável;
  • Monitoramento ativo com relatórios de status de backup;
  • Infraestrutura de nuvem em datacenter com certificações de segurança e disponibilidade;
  • Suporte especializado para auxiliar na configuração e análise da integridade dos backups;

Qual o melhor software para backup automático?

Como mencionado anteriormente, existe uma infinidade de softwares de backup. Entretanto, softwares que tenham integração para salvar dados em nuvem e façam conexão segura de ponta a ponta saem na frente.

Além disso recursos como criptografia com definição de chave segura, compactação de dados e retenção incremental são fundamentais para otimização de suas rotinas de backup.

Na Platon, por exemplo, o software utilizado para a realização de backup em nuvem é o Ahsay. Ele possui todos os recursos citados anteriormente e também diversas integrações com sistemas de máquinas virtuais, SGBD’s e recursos de integração com o próprio sistema operacional.

Como funciona o monitoramento do backup?

O monitoramento do backup também faz parte do processo de automação do mesmo. Com o monitoramento sempre que uma rotina é configurada o software fica monitorando a execução e o status de todos os backups. Desta forma, sempre que uma tarefa é executada é gerado um log informando se o backup foi realizado com sucesso, com erros ou até mesmo se ele não foi realizado.

Em algumas soluções, como o backup em nuvem da Platon por exemplo, o monitoramento do backup é feito pelo datacenter. Assim, mesmo que o servidor ou computador que realiza os backups esteja desligado você recebe o relatório informando sobre a situação de seus dados.

Sim, um backup pode salvar a vida de sua empresa! Não dá mais para negligenciar uma solução tão simples e tão eficaz. Além disso, você e sua equipe precisam se concentrar e despender tempo nas tarefas que fazem a diferença para sua empresa e deixar que a soluções de tecnologia cuidem da segurança de seus dados.

Então, vamos automatizar seus backups?

Alguma dúvida, sugestão ou comentário, manda sua mensagem pra gente, a gente ama conversar!

Deixe-nos seu contato para obter mais informações sobre este assunto

Fique tranquilo, não enviaremos spam para você.

Vinicíus Chaves
Vinicíus Chaves
Diretor de Marketing

Deseja conhecer mais sobre a Platon?

Fale conosco ou encontre-nos nas redes sociais: