Blog

Exibir tudo

Validar seu novo negócio no mercado! Faz sentido para você?

Validação

Validar seu projeto no mercado

Olá,

Sabe quando você tem “aquela” idéia de um novo negócio, produto ou serviço? E que instintivamente você pensa em todas as dores dos consumidores você irá atender? seja elas: O gosto do consumidor, a necessidade momentânea de serviços , a vontade de ter determinado produto ou até mesmo o prazer de consumir. Legal né! E validar seu negócio no mercado! Faz sentido para você?

Automaticamente, pensamos em como melhorarmos o projeto para que atenda todas as necessidades destes consumidores, seja no B2C ou até no B2B. Em ambos os casos criamos formas, cores, design, vendas, abordagens, custos, métricas, metas ….. e por aí vai.

Mas a pergunta mais importante é: Você validou seu produto no mercado? Não sabe o que é nem como fazer isso? Então vou dividir uma experiência com você.

Mas antes vale a pena entender o porque deste artigo. Meu nome é Marcelo Silva Rodolpho e sou empresário desde 2003. Minha empresa iniciou com locação de equipamentos para eventos, depois inseri uma nova vertical surfando na onda da época, no setor de marketing digital, passei também pela organização de eventos e hoje sou sócio da Platon, e ainda organizo eventos em minha cidade. Com 40 anos de idade, a fusão com a Platon, empresa especialista em Tecnologia em Nuvem, é um momento único de renovação em minha carreira profissional. Na verdade uma grande desafio em sair de uma zona de conforto e partir para novos vôos, desta vez na nuvem.

Recentemente nós aqui da Platon Tecnologia em Nuvem participamos do SW Lages, evento mundial que acontece em mais de 150 países e com mais de 2,9k edições…. é mole? Reaprendi lá o método correto ( ou mais assertivo ) de validar uma idéia.

Ao ter uma idéia a primeira coisa que fazemos é compactuar essa idéia com as pessoas mais próximas e acredito que este realmente deva ser o primeiro passo. Estas pessoas são geralmente de sua confiança, além de ser uma breve validação, você não incorre em possíveis cópias de seu projeto ou potencializar possíveis concorrentes. Além de ter uma opinião clara e real, afinal estas pessoas tem intimidade contigo para opinar abertamente.

Após isso, vem talvez o passo mais importante para você ter um bom produto no mercado, VÁ A CAMPO!

– Defina o público que irá consumir seu produto;

– Encontre o maior número de pessoas dentro deste público e faça uma entrevista

– Tire tempo para isso, as vezes é interessante marcar uma breve reunião, ao realizar a entrevista, vá a fundo para encontrar qual a necessidade real (A DOR) que seu produto ou serviço se propõe a resolver. Dentro da entrevista faça perguntas como:

  • Me conta mais?
  • Como resolveu?
  • O que aconteceu?

– Ainda falando da entrevista, procure identificar a maior necessidade dos entrevistados em se tratando do problema.

Vamos pegar um exemplo: Você teve a idéia de criar uma bike elétrica. Seu público está entre ciclistas e pessoas que querem um transporte alternativo. Sua missão será descobrir dentro deste público quais suas dores, distância, trânsito, chuva, carregar sacolas, custo do veículo tradicional, e por aí vai. Enfim, na entrevista não coloque entraves para descobrir as necessidades. Deixe AS PESSOAS FALAREM! Quanto mais informação melhor.

O próximo passo é identificar a mesma dor ou necessidade em vários de seus entrevistados, isso acontece naturalmente, ao compilar todas as entrevistas, você perceberá esta informação e além disso também identificará similaridades entre seu público alvo.

Parece simples mas não é kkkk, na maioria dos casos onde aplicamos este métodos acontecem a “PIVOTADA”.

Pivotar é desistir, desapegar de sua idéia, e isso é realmente difícil …. geralmente quando as idéias acontecem elas partem de uma necessidade sua e que você acredita ser comum para outras pessoas ou negócios. Na entrevista acontece muitas vezes de percebermos que a necessidade não é real e nem comum, e você deve desistir de sua idéia.

Também acontece muitas vezes de identificar uma necessidade comum que você não havia percebido e Voilà!!! Está aí seu novo projeto. Porém em alguns casos também temos que cair na real e perceber que o projeto simplesmente não vai rolar e é nesta hora que vale o ditado: “Melhor gastar pouco para descobrir que minha idéia não é válida, do que gastar muito para fechar minha empresa depois de determinado tempo”.

Validou o problema e você tem a solução? Pronto!!! A partir deste ponto você pode aplicar um canvas, por exemplo, para definir todos os processos de seu novo negócio e mandar ver.

E se você vai tocar o seu projeto, leia também o artigo:

A importância de manter o foco no Core Business

 

Espero ter ajudado, grande abraço!

 

Marcelo S. Rodolpho
Marcelo S. Rodolpho
Diretor Administrativo

Deseja conhecer mais sobre a Platon?

Fale conosco ou encontre-nos nas redes sociais: